Tokushare > Notícia > Análise > Série - Lion Man G: Um Herói Diferente

Série - Lion Man G: Um Herói Diferente

Por tuninhochan

Em 2006 as produtoras Crescendo e a Star Child lançaram Lion Man Ghetto (ou Lion Man G) como a terceira produção do destemido Homem Leão que luta contra o mal pra proteger o Japão. A série pertence a franquia dos Henshin Heroes, teve apenas 13 episódios e não agradou ao grande público.

A história passa no ano de 2011 em Neo-Kabukicho, onde os jovens estão viciados numa droga chamada Skull Eyes, que dá grandes poderes aos usuários. Muitas gangues usam essa droga para praticarem inúmeros crimes. Em um desses ataques das gangues o jovem Shishimaru, um atrapalhado e mal sucedido gigolô, é atacado e salvo por um misterioso mendigo que lhe joga uma espada. Ao entrar em contato com a espada ele se transforma no lendário Lion Man e espanta à todos (mesmo sem saber direito como). Ele então começa à ser perseguido por pessoas que querem tomar sua espada e acabar com sua vida. 

          

Com esta premissa temos a curtíssima aventura do novo Lion Man, que é cheia de ação, muito humor, bons atores, boa música, ótimos efeitos especiais e que se vista com um outro olhar, pode até agradar ao público. A série foi exibida nas madrugadas do Japão por ser feita para o público adulto (contém insinuações sexuais, piadas sujas e outras coisinhas que não são legais para as crianças assistirem, como por exemplo, Shishimaru ficando excitado com uma mulher na rua e metendo a mão dentro da calça pra mexer no seu “leãozinho”). O visual das armaduras são bem bacanas também, sem mais o tradicional visual do “bichinho de pelúcia” guerreiro.

A grande ironia da série (e que particularmente me agradou demais) é que Shishimaru sempre foi um guerreiro valente, digno e honrado. Sua reencarnação em 2011 é num gigolô atrapalhado ao extremo, muito covarde, que não sabe lutar ou se defender e que não gosta de fazer nada. Kazuki Namioka, o novo Shishimaru e que fez Syd em Kamen Rider Gaim, ficou perfeito no papel. Sua atuação é hilária e quando ele precisa passar para o drama, o faz muito bem. O visual de Namioka com seus cabelos loiros ficou bem diferente.

       

Outro bom ator é Yasuomi Ōta que faz Tora Jonosuke, o novo Joe Tiger, eterno rival de Lion Man. Ele é o oposto total de Shishimaru. É muito sério, bom de briga, centrado e acha um desaforo um covarde ter o poder de Lion Man em suas mãos. Ambos protagonizam lutas espetaculares, fora que ele dá belíssimas surras em Shishimaru na forma civil.

Uma grande figuraça da série é Junior, filho do chefe de uma Organização ao qual Shishimaru deve muito dinheiro. Junior quer bancar o gângster perigoso e ameaçador, mas isso fica difícil quando sua principal diversão é fantasiar-se à todo momento com todo tipo de cosplay, inclusive vários femininos. Junior é interpretado por Kenichi Endo.

                      

Shishimaru passa pela clássica Jornada do Herói. Começa a série sabendo dos problemas com as gangues, recebe o poder e o legado de Lion Man e o rejeita, encontra o mentor (o mendigo misterioso), se compromete com sua missão, aceita seu destino e encara o problema de frente. Se no começo Shishimaru é um covarde e desastrado, no fim ele já é um grande herói que entende sua missão e a encara de peito aberto (tá certo que quase no fim do último episódio). Os acontecimentos entre Shishimaru e Jonosuke no final são bem tocantes. Uma verdadeira lição de um herói para outro herói.

                  

A música principal, a de abertura, é contagiante e é interpretada por ele, a lenda viva das músicas de Tokusatsu: Akira Kushida! "Kaze yo Hikari yo" é muito boa e dá vontade de ouvir sempre.

Como descrevi acima, Lion Man G é uma boa série e se assistirmos com outro olhar e sem comparações com as duas produções anteriores (Lion Man Branco e Poderoso Lion Man), garanto que irão gostar. Até mesmo as homenagens mostradas ali são bacanas. A série não entra num Top Tokusatsu meu, porém também não é de se jogar fora e tem o que se aproveitar e divertir com ela. E muito! Aqui mesmo no Tokushare nós temos a série completa (http://www.tokushare.com.br/seriadoHistorias/view/176).

Um grande abraço!

tuninhochan
Um eterno fã de Tokusatsus!
Comentários
tuninhochan - 01/03/2016 13:03:32
2 da matina??!!! Nossa!!!
Denuncia
Ovomaltino - 08/11/2015 12:11:03
É. Bom.. já vi a Band exibindo Power Rangers às duas da matina - e não creio que havia criança alguma assistindo...
Denuncia
tuninhochan - 02/09/2015 15:09:37
Quem sabe, não é, Ovomaltino?
Denuncia
Ovomaltino - 28/07/2015 23:07:34
Chuto que se fosse na Band ou Rede TV (horrenda emissora, por sinal!) em horários super adiantados (após à 1 da matina, pelo menos), vá lá. Mas quem garante que essa porra iria dar audiência, não é mesmo?
Denuncia
tuninhochan - 28/07/2015 16:07:56
Impossível. Não teria condições de exibirem Lion Maru G por aqui. Teria que ser totalmente editado e modificado as falas. Estragaria com certeza!
Denuncia
Ovomaltino - 28/07/2015 12:07:09
É, mas uma suposta exibição na TV por aqui iria cagar com tudo, pois iriam tentar amenizar o clima "putaria" da série - duvido muito que uma emissora/distribuidora se prestaria a fazer o serviço direito pros fãs...
Denuncia
tuninhochan - 24/07/2015 16:07:15
Exatamente, Pierrot! Lion Maru G merece uma chance por fugir do convencional e mostrar algo inédito! E como escrevi, se visto com outros olhos, pode agradar muito! Um grande abraço!
Denuncia
pierrot - 24/07/2015 10:07:25
Eu assisti as três séries e essa foi a última. Foi realmente hilário, mas eu fiquei realmente um pouco frustrado com a queda moral de um herói clássico. Talvez nos faça pensar como realmente está a nossa atualidade. Mas recomendado, por que não?
Denuncia
Execute o login para comentar a notícia!